Fichamento técnica PERT/CPM

Um dos assuntos que mais me desafiam em gestão de projetos é a técnica PERT/CPM.

Para eu lembrar de como funciona fiz o resumo, tipo fichamento, abaixo. Escreva o que achou nos comentários e se tem dificuldade também.

A técnica PERT/CPM é na verdade a combinação das duas técnicas que compõem seu nome ou seja da técnica PERT e CPM:
  • PERT: Program Evaluation Review Technique 
  • CPM: Critical Path Method
CPM é técnica para se definir o caminho crítico com base no tempo mais cedo e no tempo mais tarde de uma tarefa.
  • Tempo mais cedo: instante de inicio da atividade quando todas as atividades precedentes estiverem concluídas
  • Tempo mais tarde: último instante em que a atividade poderá iniciar sem atraso na data final do projeto
  • Folga: diferença entre tempo mais cedo e tempo mais tarde para inicio da atividade
  • Caminho crítico: atividades críticas do projeto em que não há folga, ou seja tempo mais cedo e tempo mais tarde são iguais
PERT é a metodologia de cálculo para duração das atividades
  • Geralmente o tempo é calculado seguindo a equação = (T otimista + 4* T mais provável + T pessimista) / 6
 Forma para calcular o tempo das atividades na rede PERT/CPM
 
Tempo Mais Cedo tempo mais cedo Para o cálculo do Tempo Mais Cedo começar do início da rede e ir somando o período das atividades. Quando houver mais de uma atividade que chegue a atividade pegar a de maior valor.
Tempo Mais Tarde tempo mais tarde  Para o cálculo do Tempo Mais Tarde começar do final da rede e ir subtraindo o período das atividades. Quando houver mais de uma atividade que chegue a atividade pegar a de menor valor.
Exemplo que rede PERT/CPM:CESPE/TRT8a/Analista: Engenharia Civil 
  • As linhas representam tarefas/atividades
  • Os círculos eventos de inicio e fim das tarefas/atividades

Captura de Tela 2017-09-15 às 1.35.54 PM

Publicado por

Guilherme

- Administrador pela Universidade de Brasília - UnB - Servidor público federal no cargo de Analista Administrativo da Agência Nacional de Transporte Aquaviários. - Foi coordenador de cursos a distância na ENAP, na área de educação, cargo Técnicos em Assuntos Educacionais. - Atuou ainda no IRBr - Instituto Rio Branco, Banco de Brasília - BRB e na Secretaria de Educação do Distrito Federal, todos mediante aprovação em concursos públicos - Especialista em Gestão Pública pela AVM Faculdade Integrada. - Especialista em Gestão e Regulação pela FGV (cursando)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s