Introdução: Administração Geral

1 Conceito de administração

A administração se refere à combinação e à aplicação (processo decisório) de recursos organizacionais para alcançar objetivos e atingir desempenho excepcional.

  • Recursos organizacionais: humanos, materiais, financeiros, informação e tecnologia

2  Objeto de estudo da administração

O objeto de estudo da administração são as organizações

  • organizações: sistema de recursos que procura realizar algum tipo de objetivo ou conjunto deles. grupos sociais deliberadamente orientados para realização de objetivos (fornecimento de bens ou serviços)

3  Formas de estudo de administração

Há várias maneiras de se estudar administração, as duas principais são:

  • administração como um processo
  • evolução das ideias em administração (teorias administrativas)

3.2. Processos administrativos

Conjunto e sequência das funções administrativas: planejamento, organização, direção e controle

  • processo: sequência de ações que se sucedem para chegar a um ponto. Maneira sistemática de fazer as coisas. Meio, método, maneira de conduzir atividades

3.3 Funções organizacionais

Tarefas especializadas que as pessoas e os grupos executam para que a organização consiga realizar seus objetivos.

  • Tipos mais comuns: produção / operações, marketing, pesquisa e desenvolvimento, finanças e recursos humanos.

3.4 teorias/escolas/enfoques

Teorias: representações sobre como o mundo opera.

  • As teorias administrativas estão baseadas em 6 variáveis: tarefas, estrutura, pessoas, ambiente, tecnologia e competitividade. Geralmente representaram uma resposta a um problema organizacional.
    • 1903 – Administração Científica
    • 1909 – Teoria da Burocracia
    • 1916 – Teoria Clássica
    • 1932 – Teoria das Relações Humanas
    • 1947 – Teoria Estruturalista
    • 1953 – Teoria dos Sistemas
    • 1953 – Abordagem Sociotécnica
    • 1954 – Teoria Neoclássica
    • 1957 – Teoria Comportamental
    • 1962 – Desenvolvimento Organizacional
    • 1972 – Teoria da Contingência
    • 1990 – Novas Abordagens

4  tipos de organizações

As organizações podem ser classificadas de várias formas, de acordo com o setor da economia podem ser tipificadas em 3 espécies:

  1. governo,
  2. empresas e
  3. organizações do terceiro setor.

4.1  Governo (= primeiro setor)

Governo compreende as organizações do serviço público, que administram o Estado e prestam serviços públicos.

  • Estado
    • entidade jurídica que ordena a vida dos cidadãos de um pais ou nação
    • Funções do Estado: arrecadação de impostos, produção de leis, defesa, justiça, educação, diplomacia, segurança pública
    • Estrutura:
      • Administração direta: órgãos.
      • Administração: indireta, autarquias, fundações, empresas públicas e sociedade de economia mista

4.2 empresas (= segundo setor)

Organização de negócios, que tem como objetivo vender produtos e oferecer serviços para obter lucro

  • lucro: dinheiro que resta para a empresa depois que foram pagas todas as despesas.
  • capital: montante de dinheiro investido em uma empresa
  • empresas de capital aberto: compostas por capital dividido em ações de diversas pessoas e essa ações podem ser negociadas em bolsa de valores.
  • Empresas estatais: é um gênero que possui duas espécies: Empresas Públicas e Sociedade de Economia Mista:
    • Empresas Públicas: São composta por capital exclusivamente estatal
    • Sociedade de Economia Mista: São empresas de capital aberto em que mais de 50% do capital é estatal.

4.3  terceiro setor

Compreende as organizaações de utilidade pública, que têm origem na sociedade e não no governo. Essas organizações podem ser chamadas de organizações não-governamentais ou ONGs e não têm finalidade lucrativa. Dedicam-se a causas ou representam interesses de um grupo social.

Publicado por

Guilherme

- Administrador pela Universidade de Brasília - UnB - Servidor público federal no cargo de Analista Administrativo da Agência Nacional de Transporte Aquaviários. - Foi coordenador de cursos a distância na ENAP, na área de educação, cargo Técnicos em Assuntos Educacionais. - Atuou ainda no IRBr - Instituto Rio Branco, Banco de Brasília - BRB e na Secretaria de Educação do Distrito Federal, todos mediante aprovação em concursos públicos - Especialista em Gestão Pública pela AVM Faculdade Integrada. - Especialista em Gestão e Regulação pela FGV (cursando)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s